top of page
Buscar

Ecologia de estradas



Pesquisas arqueológicas mostram a existência das estradas e vias de passagens desde os tempos pré-históricos. Nós nos locomovemos desde sempre e sendo assim, houve a necessidade de melhorar os caminhos para facilitar a locomoção de animais de tração, vulgo animais de carga, e tornando possíveis as primeiras transações comerciais. Na construção das primeiras rodovias artificiais, os terrenos foram nivelados, os buracos preenchidos e valas laterais para a drenagem da água foram criadas. De lá para cá, as estradas e rodovias evoluíram com a sociedade, ficaram cada vez mais complexas, até chegar nos dias de hoje onde muitos problemas ainda se encontram em busca de soluções. E foi justamente pelo impacto causado pelas estradas que se fez necessária a Ecologia de Estradas, um ramo da Ecologia que busca entender como as estruturas e o tráfego de rodovias e ferrovias afetam os padrões e processos ecológicos, de organismos e ecossistemas. Apesar de haver estudos sobre o tema há mais de um século, o campo de estudo da ecologia de estradas é relativamente novo.

Estes estudos são de extrema importância, integrando tanto questões ambientais, sociais e econômicas para minimizar os impactos causados pelas obras rodoviárias sobre a biodiversidade, além de incluir as rodovias às paisagens locais da melhor maneira possível, visan